Voltar

GesSaúde leva Proama e maturidade de gestão hospitalar ao 26º Fehosp

Congresso reúne presidentes, provedores e diretores de Santas Casas e hospitais beneficentes de São Paulo

A GesSaúde participa da 26º edição do Congresso de Presidentes, Provedores, Diretores e Administradores Hospitalares de Santas Casas e Hospitais Beneficentes do Estado de São Paulo (Fehosp), a ser realizado entre os dias 2 e 5 de maio em Atibaia, no interior de São Paulo.

Com o tema “Interdependência: reduzindo fraquezas, aumentando forças”, o encontro será palco para discussão sobre a necessidade de interação das Santas Casas e hospitais beneficentes com os governos municipais, estaduais, federal e com a comunidade.  

Um estande da GesSaúde estará localizado no congresso com mais informações sobre o recém-lançado Programa de Aceleração da Maturidade de Gestão da Saúde (PROAMA).

O consultor Magno Santana, Roberto Gordilho, diretor da GesSaúde, e Hélder Uzeda, consultor

A GesSaúde acredita que uma das formas mais eficientes reduzir fraquezas e aumentar forças é através do aumento da maturidade dos processos internos de gestão e o PROAMA (Programa de Aceleração da Maturidade de Gestão da Saúde) é uma das formas mais eficientes de alcançar este objetivo.

  • O que Maturidade de Gestão?

A maturidade de gestão é a capacidade da instituição (hospital) alcançar resultados com os recursos disponíveis.

Em saúde resultado está diretamente relacionado a quatro elementos:

  1. Segurança do paciente
  2. Qualidade do atendimento
  3. Eficiência dos processos
  4. Resultados financeiros

Quanto maior a capacidade de alcançar, de forma contínua e sustentável, os resultados, maior o nível de maturidade da Gestão.

  • O que é o PROAMA – Programa de Aceleração da Maturidade de Gestão da Saúde?

É um programa estruturado para permitir a construção gradativa de um modelo de gestão baseado em três elementos: Estratégia, Modelo de Gestão e Governança Corporativa, através da implementação de ferramentas gerenciais, tecnológicas e estratégicas e da troca de experiências entre os participantes.

O Programa desenvolve o conceito de maturidade de gestão através de cinco pilares: Governança Corporativa, Estratégia, Pessoas, Processos e Tecnologias.

  • Quem precisa do PROAMA?

Hospitais que tenham investido em tecnologias de Gestão, passado pelo processo de informatização, não tenham resolvido seus problemas de Gestão, não possuam uma estratégia clara que é acompanhada de forma sistemática, não possuam uma governança corporativa que possibilite acompanhar a Gestão e os projetos de forma eficiente, não possuam processos eficientes, formalizados e bem estruturados e entenda que pode alcançar melhores resultados com uma melhor capacitação de suas pessoas.

Ou simplesmente hospitais que não estejam satisfeitos com seus resultados e acreditem que evoluir seu processo de gestão é um caminho para melhorar estes resultados.

Conheça mais do PROAMA: www.gessaude.com.br/proama


3 de Maio de 2017 | Atualizado dia 3 de Maio de 2017


ÚLTIMAS POSTAGENS

Estratégia Empresarial

Nosso amigo o Prontuário

Olá pessoal, hoje venho conversar um pouco sobre um assunto que frequentemente aparece como importante fragilidade nas visitas de avaliação:…Leia mais.

Maturidade de gestão

STF suspende provisoriamente aumento de planos de Saúde

Especialistas apontam que atual modelo de remuneração visa lucro sobre doenças de pacientes Por editorial GesSaúde A presidente do Supremo…Leia mais.

Tecnologia de Gestão

Saúde 4.0: impactos na cadeia de prestação de serviço na saúde

Novas tecnologias implicam mudanças em contratos e fortalecimento de capacitação dos colaboradores da organização de Saúde Por Agnaldo Bahia As…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos