Voltar

PROAMA

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


O Programa de Aceleração da Maturidade de Gestão da Saúde (PROAMA) é desenvolvido em grupos compostos por instituições de Saúde de pequeno e médio porte, com o intuito de melhorar os resultados das entidades e aumentar a maturidade de suas gestões.

O programa tem duração de 12 meses e conta com 600 horas de atividades, entre workshops, capacitações e mentoring. Podem participar hospitais, clínicas e centros de diagnóstico que não sejam concorrentes diretos em uma mesma região.

Durante o PROAMA, é construído de forma conjunta e gradativa um modelo de gestão que possibilite à entidade aprimorar suas habilidades de gestão, necessárias para o seu desenvolvimento corporativo.

É importante que o gestor tenha em mente que é preciso tanto o envolvimento dele quanto da instituição para que os resultados sejam alcançados, já que se trata de um processo de aprendizado no qual a maturidade da gestão é construída juntamente com o gestor.

A principal metodologia utilizada é a de gerenciamento de resultados, traçado a partir do projeto estratégico ou do plano empresarial da instituição.

O PROAMA oferece ainda um portal onde estão disponíveis materiais didáticos, cursos on-line e divulgação de eventos sobre maturidade na gestão hospitalar.

Etapas do programa

  • Revisão do plano empresarial

No primeiro mês, os gestores participam de um workshop de apresentação de ferramentas de gestão estratégica. De forma individual, é realizada a definição ou revisão do plano empresarial da instituição, de seu posicionamento estratégico, missão, visão e valores. Também é feita uma avaliação de cenários para a definição da estratégia e, a partir dela, a elaboração de metas, projetos e do orçamento empresarial.

  • Indicadores de gestão

A partir do segundo mês, começa a ser definido os indicadores da gestão estratégica e das seguintes áreas: assistencial, suprimentos, faturamento SUS, faturamento convênios, controladoria financeira e área de apoio.

Capacitação

Uma série de capacitações é oferecida aos participantes a partir do terceiro mês. Cinco gestores de cada instituição de Saúde integram um programa de formação, que tem duração de 160 horas e é composto por dez módulos, com ênfase em: estratégia, finanças, gestão de faturamento SUS, gestão de faturamento convênio, gestão de processos de negócios, gestão de pessoas, gestão de projetos, gestão de TI, gestão de suprimentos e acreditação.

Revisão e discussão de processos

Durante o programa, os gestores terão a oportunidade de revisar os principais processos das instituições para identificar oportunidades de melhoria na operação e avaliar se o modelo de operação atual atende aos objetivos de eficácia, eficiência e qualidade definidos pela empresa.

Inicialmente, os gestores participam de um workshop sobre o que é um processo e sua importância. Em outro momento, terão contato com um modelo de referência que reúne as melhores práticas de operação para uma unidade de Saúde. A partir desse modelo, os gestores debatem qual é o mais adequado para sua instituição.

Por fim, é feito um mapeamento para avaliar o sistema de gestão atual da unidade de Saúde e verificar a necessidade de ajustes para a implantação do novo modelo.

Encontro de gestores

A cada quatro meses, os gestores das instituições se encontram para discutir temas de gestão e atualidades. A ideia é promover o relacionamento e troca de experiências entre os participantes.

Avaliação de resultados

As Reuniões Mensais de Acompanhamento de Resultado (Remar) são momentos de avaliação de resultados, controle de metas e acompanhamento dos projetos. As reuniões são realizadas com a direção da instituição, que apresenta o resultado por meio dos indicadores de gestão de suas áreas e os projetos sob sua responsabilidade.

Mentoring

O PROAMA inclui atividades de mentoring, que são a aplicação prática dos conhecimentos de gestão. Elas são realizadas por especialistas nas áreas de suprimentos, assistencial, faturamento SUS, faturamentos de convênios, financeira, TI e gestão de processos.


15 de março de 2017 | Atualizado dia 22 de outubro de 2018


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão Hospitalar

Maturidade de Gestão Hospitalar: conceito e aplicação no gerenciamento de organizações de Saúde

O gestor maduro consegue não apenas garantir a continuidade saudável do negócio, mas também permitir o melhor atendimento ao paciente…Leia mais.

Maturidade de Gestão Hospitalar

Os seis aspectos da maturidade de governança clínica no hospital

Sistema tem como objetivo garantir a excelência dos serviços de Saúde, contemplando qualidade da assistência e segurança do paciente Por…Leia mais.

Tecnologia de Gestão

O impacto da IoT e Wearables na saúde

Especialista aponta principais tecnologias health care que auxiliam na operação de organizações de Saúde e promovem a qualidade do atendimento…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos