Voltar

Programa Parceiros de Negócios: primeiro ecossistema de gestão de Saúde do Brasil

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Objetivo é firmar parcerias de negócios para expandir o conceito de maturidade de gestão em todo o País; inscrições já estão abertas

por Institucional

Para se manterem vivos e relevantes em um cenário de transformação como o atual, os hospitais precisam evoluir. O caminho para chegar lá está na profissionalização da gestão, que permite alcançar resultados baseados em quatro pilares: segurança do paciente, qualidade do atendimento, eficiência dos processos e financeiro.

Pensando nisso, a GesSaúde criou o Programa Parceiros de Negócios (PPN), que tem como objetivo, nas palavras do CEO Roberto Gordilho, “criar o primeiro ecossistema de gestão de Saúde do Brasil”. Na prática, a proposta é firmar parcerias com consultorias especializadas, empresas de tecnologia, cooperativas e outros prestadores de serviço do setor que tenham como missão e objetivo auxiliar os hospitais a profissionalizar e amadurecer a gestão. “Queremos unir essas pequenas empresas especializadas, espalhadas pelo País, e criar um ecossistema forte, no qual elas possam trabalhar juntas, ofertando o melhor da sua experiência e do seu método. Assim vamos levar mais longe esse modelo e trabalhar para construir um sistema de Saúde sustentável. A união é o caminho”, avalia Gordilho.

O CEO destaca que o programa é baseado na filosofia “ganha, ganha, ganha”:

  • Ganha o cliente, que terá acesso a mais completa carteira de serviços focados em garantir sustentabilidade, aumentar a eficiência da operação, os resultados e a maturidade de gestão;
  • Ganha o parceiro, que aumentará a geração de negócios por meio da oferta dos serviços da GesSaúde, da alocação de profissionais especializados na execução dos projetos e da oferta dos seus serviços por meio da GesSaúde e dos outros parceiros de negócios.
  • Ganha a GesSaúde, que levará mais longe a maturidade de gestão hospitalar, e aumentará a geração de negócios em todas as regiões do Brasil.

As parcerias firmadas no PPN podem ser de três tipos:

  • Comercial: quando o parceiro vende os serviços da GesSaúde na região onde está localizado;
  • Executiva: além de vender, o parceiro fornece parte dos consultores para execução do projeto;
  • Produtos e serviços: a GesSaúde homologa os produtos e serviços dos parceiros, que passam a ser ofertados pela empresa e pelos demais parceiros.

Gordilho explica que o PPN permitirá gerar mais negócios de ambos os lados, oferecendo os mais diversos serviços para os hospitais brasileiros. Além disso, o alcance dos consultores será ampliado para todo o território nacional – e, consequentemente, chegará às instituições que mais precisam. “Queremos levar sustentabilidade, aumentar a eficiência da operação, os resultados  e a maturidade de gestão dos hospitais brasileiros. Afinal, maturidade de gestão é muito mais que estar informatizado. É ter pessoas qualificadas e capacitadas para utilizar a tecnologia, com bons e sólidos processos para execução da estratégia definida, aliada a um sistema de governança que permita o acompanhamento e controle da organização e dos projetos definidos”, explica Gordilho.

Interessados em integrar o PPN participarão de um processo de seleção e avaliação, que irá verificar as sinergias entre as empresas e os modelos de negócios praticados. Havendo essa sinergia, será definida a forma de parceria, sendo que o parceiro pode se enquadrar em uma ou mais das categorias citadas acima.

Conheça mais do PPN em www.gessaude.com.br/ppn.

Saiba mais:

Dos dados à tomada de decisão: a importância da informação em Saúde

5 desafios do gestor rumo à maturidade de gestão hospitalar

Desafios da Saúde: transformação digital não acontece sem maturidade de gestão

Foto: Freepik


15 de maio de 2018 | Atualizado dia 16 de outubro de 2018


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão Hospitalar

Maturidade de Gestão Hospitalar: conceito e aplicação no gerenciamento de organizações de Saúde

O gestor maduro consegue não apenas garantir a continuidade saudável do negócio, mas também permitir o melhor atendimento ao paciente…Leia mais.

Maturidade de Gestão Hospitalar

Os seis aspectos da maturidade de governança clínica no hospital

Sistema tem como objetivo garantir a excelência dos serviços de Saúde, contemplando qualidade da assistência e segurança do paciente Por…Leia mais.

Tecnologia de Gestão

O impacto da IoT e Wearables na saúde

Especialista aponta principais tecnologias health care que auxiliam na operação de organizações de Saúde e promovem a qualidade do atendimento…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos