Gerenciamento de processos hospitalares: saiba quando fazer a revisão - GesSaúde
Voltar

Gerenciamento de processos hospitalares: saiba quando fazer a revisão

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Recomendação de especialista é que haja setor específico responsável pela realização de auditorias internas

Por editorial GesSaúde

O gerenciamento de processos hospitalares tem a capacidade de organizar rotinas de trabalho, definir gargalos e apoiar a definição das estratégias de negócios. Por meio dessa ferramenta, é possível planejar, monitorar, avaliar e revisar todos os processos da organização de Saúde. Mas, para torná-la efetiva, não basta definir, é necessário realizar o monitoramento das ações, a fim de saber se estão sendo feitas de forma correta, bem como promover revisões periódicas que visam a solução de problemas.

De acordo com a coordenadora do MBA em gestão de Saúde do Centro Universitário São Camilo, Cláudia Raffa, não há uma periodicidade ideal para a revisão dos processos hospitalares. “O que se recomenda é que haja um setor, que pode ser o de qualidade ou gerenciamento de processos propriamente dito, que realize com prazos pré-definidos a revisão das ações, apontando não conformidades e oportunidades de melhoria.”

O trabalho dessa espécie de auditor interno, segundo a especialista, é realizar visitas (marcadas e surpresas) aos diversos setores do hospital de forma a comparar a descrição do processo e como ele é realizado na prática. Caso seja identificado o não cumprimento do processo (não conformidade), é preciso relatar ao superior imediato da área, que deve avaliar e determinar se faltou treinamento das pessoas envolvidas ou se há necessidade de revisão do processo.

Cláudia explica que os processos desenhados nas organizações de Saúde não podem ser estáticos. Portanto, a revisão precisa ser realizada independentemente da evidência de não conformidades, mas sim como forma de aprimorar o trabalho da equipe de forma constante e, assim, evoluir a maturidade de gestão hospitalar.

A especialista indica o uso do ciclo PDCA (do inglês: plandocheck act, ou seja, planejar, fazer, verificar e agir) para gerenciamento e monitoramento dos processos hospitalares. “Como o próprio nome diz, trata-se de um ciclo. Sendo assim, a melhoria se torna contínua a cada vez que ele é ativado e retorna ao seu início. É importante que cada área rode o ciclo e verifique se cada ação é realizada de forma correta”, destaca Cláudia.

A base do ciclo PDCA está na repetição. A ferramenta deve ser aplicada sucessivamente nos processos para que se busque a melhoria contínua. O planejamento, a padronização e a documentação são práticas importantes, assim como medições precisas. Outros fatores abordados são os talentos e habilidades dos profissionais envolvidos. Saiba como funciona cada uma das quatro fases do ciclo, segundo a coordenadora do São Camilo:

  • Planejar – hora de analisar os problemas que precisam ser resolvidos dentro da organização. O passo a passo deve ser a definição dos problemas, a definição de objetivos, a escolha dos métodos e se questionar cinco vezes porque o problema ocorreu, de forma a tornar a resposta cada vez mais completa, o final é um plano para ser executado.
  • Fazer – o momento da execução propriamente dita, mas, para tanto, é preciso garantir os recursos necessários para execução, entre eles o treinamento da equipe. Isso feito, é hora de executar, mudar ou aperfeiçoar o que for necessário e registrar os resultados obtidos.
  • Verificar – uma das etapas mais importantes do ciclo, permite saber se o processo é feito da maneira correta, verificar potencialidades e não conformidades, questionar os motivos pelos quais elas ocorrem e, com as respostas, reavaliar o plano.
  • Agir –  assertividade em prática. Se os processos funcionam da forma planejada, garanta que continuem assim. Se há gargalos, revise-os e mude.

Na prática

A coordenadora cita caso positivo de aplicação da ferramenta em hospital da capital paulista. Na unidade, o gerenciamento de processos hospitalares está implantado há três anos, e em evolução contínua. “Inicialmente foi feito um diagnóstico de quais processos existiam no hospital. Em seguida, com o apoio de uma consultoria externa, eles foram redesenhados. De forma a envolver e sensibilizar os funcionários, são promovidas reuniões entre clientes internos para que cada um entenda sua responsabilidade dentro de cada processo.”

Cláudia destaca como exemplo os processos da dispensação na farmácia. “Caso determinado medicamento não esteja em estoque ou tenha ultrapassado a data de validade por uma falha do setor, há impacto direto no cuidado ao paciente, o que acaba por repercutir no trabalho de toda a equipe e gerar impactos até mesmo na receita da instituição.”

De forma a sensibilizar os funcionários, foi apresentado a cada um o desenho completo do processo durante as reuniões. “O gestor precisa sensibilizar seus colaboradores de forma a que eles entendam e aceitem a importância de alinhar os processos para, assim, alcançar a melhoria contínua e fornecer o melhor atendimento ao paciente”, garante a especialista.

Saiba mais:

Hospital: onde e como implantar gerenciamento de processos

A importância da gestão de processos na segurança do paciente

Gerenciamento de processos como chave para uma gestão eficaz

Foto: Depositphotos


13 de julho de 2017 | Atualizado dia 16 de outubro de 2018


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão da Saúde

Experiência do cliente e a importância do BPM na Saúde

Gerenciamento de processos executado de forma eficaz contribui para a satisfação e experiência do cliente Por Fabiana Freitas A experiência…Leia mais.

Gestão da Saúde

Estratégia competitiva como forma de perpetuar a organização

Em um cenário de competitividade extrema e de transformações constantes, a estratégia competitiva é fundamental para o negócio Por Roberto…Leia mais.

Gestão da Saúde

Entenda o processo de modernização da gestão

Engajamento e treinamento de pessoas fazem parte do amadurecimento e processo de modernização da gestão Por Roberto Gordilho A visão…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestão do capital: entenda o movimento de financeirização na Saúde

De milhões para bilhões de reais, o setor de Saúde precisa de profissionalizar a gestão do capital Por Roberto Gordilho…Leia mais.

Gestão da Saúde

Por que o modelo de remuneração torna a Saúde ineficiente

Volume de procedimentos gerado e repasse de reajustes para clientes, são algumas das dificuldades do atual modelo de remuneração Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

Oportunidades de crescimento da Saúde no Brasil

Análise mercadológica e econômica apresenta bons motivos para organizações apostarem na Saúde no Brasil Por Editorial GesSaúde As oportunidades de…Leia mais.

Gestão da Saúde

A prescrição digital pode combater as fraudes de receita médica?

Por Rafael Moraes* A falsificação de documentos médicos é mais comum do que se pode imaginar. Para se ter uma…Leia mais.

Gestão da Saúde

Entenda o valor na Saúde para os 4 principais atores

Entrega de resultados e eficiência demanda que o gestor saiba oferecer valor na Saúde para os stakeholders Por Roberto Gordilho…Leia mais.

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico: a importância do acompanhamento

A segurança do negócio e o alcance de metas exige acompanhamento rotineiro do planejamento estratégico Por Roberto Gordilho O final…Leia mais.

Gestão da Saúde

Cenários para enriquecer o planejamento estratégico

Ambientes externos e internos devem ser avaliados durante a produção do planejamento estratégico para a instituição Por Roberto Gordilho A…Leia mais.

Gestão da Saúde

Como alinhar a estratégia empresarial ao modelo operacional

Maturidade de gestão é o caminho para que a estratégia empresarial seja alinhada ao modelo de operação da instituição Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

Tempestade perfeita: por que a Saúde é diferente

Manter a segurança do negócio e o crescimento demanda buscar oportunidades nas transformações da tempestade perfeita Por Roberto Gordilho Uma…Leia mais.

Gestão da Saúde

A expectativa do cliente da Saúde mudou

Organizações precisam mudar o mindset para compreender a expectativa do cliente da Saúde Por Roberto Gordilho As  novas tecnologias, a…Leia mais.

Gestão da Saúde

Planejamento estratégico: como aplicar o 5W2H na gestão da Saúde

Ferramenta auxilia a identificar e especificar estratégias que devem constar no planejamento estratégico da organização Por Editorial GesSaúde Melhorar a…Leia mais.

Gestão da Saúde

Incorporar soluções de suporte à decisão clínica ao fluxo de trabalho pode fazer a diferença na Saúde

Em épocas de internet of things (IoT), inteligência artificial, realidade aumentada, big data, fica meio difícil imaginar nossas vidas sem…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestores extraordinários: o passo a passo para o sucesso

Roberto Gordilho apresenta curso inovador para todos que ocupam ou querem ocupar cargos de gestão e se tornarem gestores extraordinários…Leia mais.

Gestão da Saúde

Maturidade de gestão: vídeos mais acessados de 2019

Roberto Gordilho apresenta os conceitos mais relevantes para a maturidade de gestão na Saúde no canal GesSaúde do Youtube Por…Leia mais.

Gestão da Saúde

O que é maturidade de gestão na Saúde

Entenda o conceito de maturidade de gestão na Saúde.

Gestão Hospitalar

Gestão hospitalar: 10 artigos mais lidos do Portal GesSaúde

2019 foi um ano de transformações na Saúde em que os principais conceitos de gestão hospitalar foram fundamentais para os…Leia mais.

Gestão da Saúde

Ação imediata: entenda como o gestor pode usar essa estratégia

Plano de ação imediata é uma ferramenta de correção de erros a fim de antever cenários e determinar a melhor…Leia mais.

Gestão da Saúde

O plano de ação para organizações de Saúde

Ferramenta de acompanhamento do planejamento, o plano de ação é fundamental para atingir metas e objetivos Por Editorial GesSaúde Como…Leia mais.

Estratégia Empresarial

Planejamento em Saúde: a importância de objetivos e metas bem definidas

Estabelecer metas, avaliar e metrificar resultados fazem parte do processo do planejamento em Saúde Por Editorial GesSaúde A operação dos…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos