II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão da Saúde discute a transformação digital no setor – GesSaúde
Voltar

II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão da Saúde discute a transformação digital no setor

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Para impulsionar o desenvolvimento de um hospital digital, especialista lista pontos-chave para a evolução desse processo

Por Editorial GesSaúde

Ampliar o uso de tecnologias como prontuário eletrônico e eliminar o uso de mídias físicas, como filmes para impressão de exames e papel para prescrição de medicamentos, fazem parte dos desafios que as organizações de Saúde precisam avançar para uma transformação digital efetiva. Esse é um dos temas que será abordado pelo doutor Renato Sabbatini, biocientista e especialista em Saúde Digital que será um dos congressistas do II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão Hospitalar, promovido pela Comunidade Maturidade de Gestão. O encontro acontece no próximo dia 24, em São Paulo.

“Um dos grandes desafios para a transformação digital na Saúde está do lado dos profissionais de atendimento. Os médicos, principalmente, precisam usar mais a tecnologia, como o prontuário eletrônico do paciente. Ainda encontramos uma resistência na cultura do uso de ferramentas digitais”, descreveu o especialista que também é professor de informática médica da Unicamp e da Escola Bahiana de Medicina. “A transformação digital exige que todos os dados ligados ao paciente estejam dentro de uma plataforma de informática, de forma ordenada e acessível”, apontou Sabbatini.

Cultura paperless

O professor descreve ainda que, diante convergência das novas tecnologias, um conceito surge para descrever as organizações do futuro próximo: o hospital digital. “As instituições vão eliminar as mídias físicas, como papel (cultura paperless) e filme para exames, e também processos. Por exemplo, no processo de emissão de receituário beira leito, toda a etapa identificação do paciente, de emitir a guia para a medicação, informar a farmácia, prescrição de como administrar o medicamento, enfim, tudo pode ser registrado em um ciclo fechado e eletrônico”, explicou o docente. “Para um hospital digital, isso deve ser feito em milhares de processos e centenas de subsistemas, devido à complexidade das organizações”, reforçou Sabbatini. 

Gestão

Sabbatini explica que para acontecer a transformação digital não basta apenas investimento em tecnologias. “É preciso que a gestão dos hospitais envolvam todos os protagonistas nessa transformação:  treinem seus colaboradores e os conscientizem para o uso das tecnologias. Além disso, é preciso ainda garantir que os dispositivos eletrônicos estejam de fácil acesso. Caso isso não aconteça, a instituição está apenas fazendo com que os sistemas antigos convivam com os novos, o que não gera benefício algum”, orientou.

O Congresso

O II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão Hospitalar ocorre em São Paulo, no dia 24 de outubro. O encontro será no Hotel Novotel Jaraguá Conventions que fica localizado na Rua Martins Fontes, nº 71, Centro. Venha participar da transformação na Saúde do País. Os ingressos podem ser adquiridos pelo site oficial do congresso.  

Remuneração por valor: maior segurança para o paciente e para o negócio

Programa Formação de Gestores da Saúde vai contribuir para alavancar a carreira dos profissionais

Roberto Gordilho lança Formação de Gestores da Saúde para transformar excelentes técnicos em gestores extraordinários


21 de outubro de 2019 | Atualizado dia 21 de outubro de 2019


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão da Saúde, Gestão de Pessoas

Conheça 4 programas de valorização do capital humano para organizações de Saúde

Bonificações, reconhecimento, acompanhamento multidisciplinar da saúde, fazem parte do case Hospital SOS Cárdio, que conquistou este ano a acreditação Qmentum…Leia mais.

Gestão da Saúde

Conheça 4 principais benefícios da gestão do conhecimento para organizações de Saúde

Transformar o conhecimento em processos que podem ser monitorados é uma das grandes vantagens dessa metodologia administrativa Por Fabiana Freitas*…Leia mais.

Gestão da Saúde

5 princípios de gestão hospitalar que os novos médicos devem conhecer

Médico docente explica a importância dos conceitos modernos de gestão hospitalar na formação acadêmica Por Editorial GesSaúde A gestão hospitalar…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos