Voltar

Maturidade de gestão da Saúde: o paciente visto como cliente

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Especialista explica a mudança do comportamento dos usuários dos serviços de Saúde e os impactos nas relações com as instituições

Por Editorial GesSaúde

As novas tecnologias trazem uma série de transformações à Saúde. Muitos gestores ainda estão se adaptando às mudanças no relacionamento com os usuários que, cada vez mais, têm uma grande quantidade de informações disponíveis para optar, de forma consciente, por novos modelos de atendimento e serviços. Nesse cenário, compreender o paciente como um cliente, um consumidor com poder de escolha em relação à sua própria qualidade de vida, se torna um diferencial competitivo. 

Para aprofundar esse assunto, o II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão da Saúde, que acontece no dia 24 de outubro, em São Paulo, traz Daniel Greca, líder de Saúde da KPMG, para apresentar a palestra ‘Healthcare 2030 – O paciente como consumidor’. Na KPMG, Greca é responsável por produtos e projetos orientados a Saúde baseada em valor, experiência do paciente e redesenhos de sistemas de Saúde.

 

“Compreender o paciente como consumidor é saber que ele quer a mesma qualidade, tecnologia e comodidade que outras indústrias oferecem”, explicou o especialista. Greca utiliza o mercado de aviação para explicar o conceito que as organizações de Saúde podem adotar na relação com os pacientes. “Atualmente, um passageiro consegue adiantar em 30 minutos o embarque para sua viagem. E por que isso não pode acontecer na Saúde?”, questiona o executivo. “Claro que o paciente não tem o conhecimento para escolher entre as diversas formas de tratamento para o seu caso. Isso é uma especialidade do hospital e dos profissionais envolvidos com o tratamento e cuidado. Porém, com as novas tecnologias, os pacientes podem compreender que existem outras opiniões e técnicas de tratamento. Eles pesquisam para ter outras opiniões antes de decidir por uma intervenção cirúrgica, por exemplo”, reforçou Geca.

O executivo também vai analisar a forma de gestão da Saúde atual e apresentar conceitos para alocar o paciente no centro do negócio. A importância dessa transformação da gestão está em compreender as necessidades dos usuários e, ainda, como utilizar técnicas modernas de gestão para melhorar a experiência ao longo da jornada dentro e fora do hospital. “Cada vez mais é possível aos gestores de Saúde utilizar os dados sobre a qualidade do atendimento. E isso é importante para fornecer uma eficiência no cuidado e também fidelizar o cliente”, comentou o executivo.

O congresso

O II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão na Saúde é uma iniciativa da Comunidade Maturidade de Gestão. Diversos painéis sobre os enfrentamentos e transformações da Saúde serão apresentados por especialistas renomados de todo o País. Os ingressos estão disponíveis no site oficial do encontro, que pode ser acessado por aqui.

Serviço

II Congresso Brasileiro de Maturidade de Gestão na Saúde.

Quando: Dia 24 de outubro de 2019

Local: Hotel Novotel Jaraguá Conventions que fica localizado na Rua Martins Fontes, n. 71 Centro. São Paulo.

Inscrições: https://www.congressomatgestao2019.com/

Leia também:

A tempestade perfeita na Saúde está virando um furacão

Conheça 7 medias de gestão de riscos para aumentar a segurança do paciente

Medicina preventiva: uma nova forma de gestão para a Saúde


17 de setembro de 2019 | Atualizado dia 17 de setembro de 2019


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão da Saúde

Roberto Gordilho lança Formação de Gestores da Saúde para transformar excelentes técnicos em gestores extraordinários

A gestão da Saúde está passando por transformações e os profissionais mais preparados vão ter as melhores oportunidades de carreira…Leia mais.

Gestão da Saúde

Masterclass com Roberto Gordilho: a transformação na Saúde vai gerar muitas oportunidades para os bons gestores

Consultor e especialista em gestão na Saúde vai apresentar as maneiras que os gestores podem se preparar para uma carreira…Leia mais.

Gestão da Saúde

Gestão da proximidade: quais os requisitos para um bom líder

Especialista aborda a necessidade das organizações de Saúde investirem na gestão da proximidade para melhor engajamento das equipes Por Editorial…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos