Saúde digital: como preparar a organização para adoção de novas tecnologias - GesSaúde
Voltar

Saúde digital: como preparar a organização para adoção de novas tecnologias

Junte-se a mais de 15.000 profissionais de gestão da saúde.

Assine nossa lista e receba conteúdos com prioridade


Especialista explica a importância do treinamento e engajamento dos colaboradores no uso das novas tecnologias

Por Editorial GesSaúde

Maximizar a operação e garantir resultados cada vez mais satisfatórios no atendimento e cuidado com o paciente são desafios constantes para a gestão da Saúde. Com o frequente surgimento de novas tecnologias, a Saúde Digital torna-se um fator de modernização e transformação das organizações. Porém, antes de investir na adoção de ferramentas e soluções digitais, o gestor deve preparar internamente a instituição, considerando processos e capital humano. André Farias, médico com experiência em Gestão de Saúde, Consultor da GesSaúde, Co-fundador e CTO da FSL Governance, explica que capacitação de equipes e aprimoramento sistemático das rotinas são estratégias essenciais para garantir que as novas tecnologias resultem em maior qualidade e eficiência para o hospital. 

“Os principais desafios na transformação digital de uma organização são rever os processos e saber se os colaboradores estão bem preparados. O gestor tem de considerar que a tecnologia não vai estruturar os processos e rotinas. Por isso, é importante organizar a casa para que a tecnologia seja uma ferramenta”, reforçou o especialista. Dessa forma, um elemento importante no processo de amadurecimento da gestão é compreender que as tecnologia tecnologias são um método para facilitar o trabalho na Saúde Digital. Farias explica que investir em soluções de última geração sem o preparo de todo o time pode resultar em prejuízos e aumento de custo. 

O médico elenca as principais estratégias que preparam o hospital para a implantação de novas tecnologias:

  • Capacitar: o gestor precisa reconhecer dentro das equipes o nível de preparo para a adoção da tecnologia que será investida. Oferecer capacitação também é uma forma de reconhecimento e investimento profissional;
  • Engajar: o preparo técnico não é suficiente para o bom uso das novas tecnologias que serão implantadas. De acordo com Farias, “as equipes têm de comprar a ideia de utilizar a tecnologia”;
  • Avaliação prévia: rever sistematicamente os processos, conhecer os “nós”, pontos de fraqueza e onde as rotinas podem ser aprimoradas garante que a tecnologia melhore de fato a operação do negócio;
  • Feedbacks: após a adoção das novas tecnologias para a organização de Saúde, o gestor deve apurar as informações de adaptação junto aos colaboradores, avaliar o processo de adaptação e estruturar medidas de aprimoramento do uso das ferramentas.

Cultura organizacional

A Saúde Digital, a transformação da organização para as novas tecnologias, é mais que investimento. Conforme o médico e consultor, esse processo de mudança tem de fazer parte da cultura organizacional da instituição. “A cultura é fundamental nesse processo de transformação digital. Se o gestor não estiver trabalhando em uma organização que tenha uma cultura de revisão sistemática de processos, melhoria na qualidade do serviço, da assistência, uma cultura aberta para as  inovações e adoção de novas tecnologias, com certeza a aquisição de novos equipamentos e soluções não será bem sucedida. Isso faz parte da Saúde 4.0”, descreveu Farias.

Leia também:

Cultura organizacional: qual sua importância para o hospital 

Inteligência artificial na Saúde: reduzindo a variabilidade de cuidado

Novas tecnologias transformam relação entre organizações de Saúde e clientes


27 de agosto de 2019 | Atualizado dia 6 de janeiro de 2020


ÚLTIMAS POSTAGENS

Gestão da Saúde

Gestores extraordinários: o passo a passo para o sucesso

Roberto Gordilho apresenta curso inovador para todos que ocupam ou querem ocupar cargos de gestão e se tornarem gestores extraordinários…Leia mais.

Gestão da Saúde

Maturidade de gestão: vídeos mais acessados de 2019

Roberto Gordilho apresenta os conceitos mais relevantes para a maturidade de gestão na Saúde no canal GesSaúde do Youtube Por…Leia mais.

Gestão Hospitalar

Gestão hospitalar: 10 artigos mais lidos do Portal GesSaúde

2019 foi um ano de transformações na Saúde em que os principais conceitos de gestão hospitalar foram fundamentais para os…Leia mais.

Gestão da Saúde

Ação imediata: entenda como o gestor pode usar essa estratégia

Plano de ação imediata é uma ferramenta de correção de erros a fim de antever cenários e determinar a melhor…Leia mais.

Gestão da Saúde

O plano de ação para organizações de Saúde

Ferramenta de acompanhamento do planejamento, o plano de ação é fundamental para atingir metas e objetivos Por Editorial GesSaúde Como…Leia mais.

Estratégia Empresarial

Planejamento em Saúde: a importância de objetivos e metas bem definidas

Estabelecer metas, avaliar e metrificar resultados fazem parte do processo do planejamento em Saúde Por Editorial GesSaúde A operação dos…Leia mais.

Cadastre-se para ter acesso a conteúdos exclusivos